Bull Shihan – 6º Dan Aikikai

O professor Wagner Bull, nasceu em Londrina, Paraná, e desde a infância teve contato com os imigrantes japoneses, e com sua cultura. Praticou judô, karatê, box e finalmente iniciou-se no Aikidô, em 1969 quando fazia seus estudos universitários em Curitiba, sob a direção do Professor Jorge Van Zuit, que havia sido aluno do professor Noritaka. Nesta ocasião conheceu o mestre Horie, um 5 Dan que visitou Curitiba, que o impressionou profundamente pois era um grande mestre e permaneceu durante 15 dias com ele lhe passando informações.

Em 1970 com a doença do prof. Jorge, assumiu a direção do dojo.Em 1971 mudou-se para São Paulo para realizar seu curso de pós-graduação em engenharia civil, aí treinou durante 5 anos com o prof. Keisen Ono e Reichin Kawai, um dos introdutores da arte no País.

Em 1985 conheceu o reverendo Massanao Ueno, um bispo shintoista e alto grau em Takemussu Aikido, que procura praticar o Aikido junto com o esoterismo Shinto, adquirindo o grau de Nidan, neste estilo, bem como 3 dan do Aikikai.

Aí com Massanao Ueno, nasceu o entendimento da profundidade do Aikido, como caminho de iluminação espiritual, em Wagner Bull.

 

Com a volta de Ueno Sensei para o Japão, fundou o Instituto Takemussu, e conseguiu o reconhecimento da entidade como representante do Aikido Tradicional do País através do Conselho Nacional de Desportos.  Este feito acabou com o monopólio que havia, de que somente uma organização de Aikido poderia ser oficialmente reconhecida no pais e o Aikido começou a crescer no pais.

 

Estabeleceu contato junto ao Hombu Dojo no Japão, através do prof. Yoshimitsu Yamada, e as promoções dos faixas pretas passaram a ser consignadas através deste mestre, que foi aluno do Fundador do Aikido, Morihei Ueshiba e seu filho Kishomaru. Em 1999 foi graduado a 6º Dan pelo shihan aluno direto do fundador Yoshimitsu Yamada.  Em Janeiro de 2002,  o prof. Wagner Bull teve esta  promoção oficializada pelo central mundial japonesa, bem como a sua   organização foi também  finalmente oficialmente  e reconhecida pelo Aikikai Hombu Dojo do Japão, sendo que daí em diante as promoções para faixa pretas passaram a serem conduzidas diretamente por ele.  Yamada Sensei continuou dando apoio técnico indireto ao grupo vindo ao Brasil por ele convidado, até 2005,  quando se desligou por  questão de divergir de  políticas internacionais.

Em janeiro de 2009, o prof. Wagner Bull recebeu o titulo do Hombu Dojo de  Shihan (Mestre máximo de Aikido) sendo a a primeira pessoa nascida na America Latina a conseguir este titulo em toda a história do Aikido. Escreveu os livros Aikido o Caminho da Sabedoria, e Aikido Manual Técnico, Aikido Curso Básico, Takemussu Aiki,  e é conhecido nacionalmente, no meio marcial, como um dos maiores divulgadores da arte no Brasil no momento tendo traduzido para o português as  principais obras escritas pelo Fundador do Aikido, por seu filho o segundo Doshu e pelo seu Neto o atual Doshu, bem como outras obras relacionadas com a arte.

Wagner Bull sensei, é engenheiro civil, e pós graduado em administração de empresas pela FBV, é empresário, casado   tem 2 filhos, Alexandre e Edgar, ambos praticantes de Aikido. Alexandre é médico como a mãe e Edgar é engenheiro como o pai.

Atualmente ensina Aikido em seu  Dojo, o Instituto Takemussu, e é um dos principais dirigentes da Confederação Brasileira de Aikido –Brazil Aikikai  entidade por ele idealizada, e  que atualmente  é a maior entidade de Aikido do País, trabalhando em conjunto com o mestre Roberto Nobuhiko Maruyama, 6º Dan,  possuindo esta organização  atualmente  dojos espalhados por todo o Brasil. Em 1986,  foi o representante brasileiro na constituição e fundação da FLA (Federação Latino Americana) em Caracas, entidade criada por Yoshimitsu Yamada Sensei, que integra a maioria dos países latino-americanos. Foi convidado para realizar seminários e aulas  internacionais na  Venezuela, Equador, Colômbia, Peru, México, Argentina, e Portugal  e Cuba onde possui alunos por ele orientados.

Realizou seminários internacionais todos de grade porte com os mestres , Yoshimitsu Yamada, Seiji Sugano,  Christian Tissier, Donovan Waite, Peter Bernath, Jane Oseki, Nobuyoshi Tamura, Hiroshi Kato, Claude Berthiame, Nelson Requena, Massafumi Sakanashi , Miguel Moralez, Juan Tolone, John Stevens, Willian Gleason, Sugahara, Hayato Osawa, Nobuyuki Kobayashi, Yokota , Yasuno    alguns em conjuntos com outras organizações bem como  o segundo maior seminário de Aikido do Mundo em 2006 como o Doshu Moriteru Ueshiba em São Paulo, com cerca de 2010 participantes ocasião em que teve a honra de ter tido  Doshu visitado seu dojo e jantou em sua casa.  Recebeu aulas e instruções dos seguintes mestres : Kazuo Chiba, Akira Tohei, Kawahara, Kurita, Kanai, Shibata, Hiroshi Ysoyama, Hiroshi Tada, Kawabe, Yasuo Kobayashi, Sadateru Arikawa, Seijiro Endo, Inagaki, Toriumi, Yoshinobu Yamada, Kitahira, bem como teve a chance de receber instruções do  famoso mestre de Aikijiujitsu Kimura no Japão aluno do mestre Sagawa considerado o sucessor de Sokaku Takeda.Teve oportunidade de conhecer pessoalmente o mestre Morihiro Saito em Iwama quando visitou o Aiki Jinja ocasião em que recebeu instruções particulares do mesmo.Teve oportunidade de conhecer outros estilos de AIkido , tendo tido grande influencia do Mestre Koichi Tohei , bem como do Aikido da Yoshinkan , tendo visitado a central desta organização no Japão, e inclusive colaborou na realização de um seminário com o filho de Gozo Shioda no Brasil,  Yasuhisa Shioda, ocasião em que tiveram longa conversa e troca de informações bem como enviou uma equipe com seus alunos mais próximos  para realizar demonstrações de AIkido na ocasião.

 

Wagner Sensei é conhecido por buscar um aikido eficiente em termos de defesa pessoal, é um professor exigente, porém impregnado de filosofia, que adquiriu nas quase 4 décadas em que estuda, ensina e pratica a arte. Foi altamente influenciado por Massanao Ueno Sensei, no aspecto filosófico, por Reichin Kawai, no formalismo oriental que exige em sua escola, e por Yoshimitsu Yamada no aspecto Técnico, de forma a fazer com que no Instituto Takemussu se pratique um Aikido de nível internacional, nada devendo a Nova Yorque ou Tokyo. O fato do prof. Wagner Bull  ter recebido o titulo de Shihan, e tendo nascido e treinado Aikido aqui mesmo no Brasil, pois nunca morou no Japão, bem como ter sido reconhecido como um legitimo representante das tradições do Aikido eliminou por vez a falsa idéia de que  somente japoneses poderiam ter acesso aos mais altos cargos no Aikido mundial, seja como dirigentes, seja com títulos de ensino. Depois de sua promoção ficou claro que basta trabalhar, e se esforçar  para que todos possam, aprender bem o Aikido aqui mesmo no Brasil, e ter todas as prerrogativas que até então a maioria acreditava que era possível apenas aos japoneses. Nos 40 anos de treino de Aikido e 60 anos de vida que faz neste ano de 2009, o prof. Wagner Bull teve acesso a muita literatura e informação complementar sobre Aikido, como documentos, e conversas particulares com muitos alunos diretos do Fundador acima citados. Sua biblioteca de livros de Aikido supera a marca dos 400 exemplares e mais de 500 filmes com quase todos os grandes mestres. Todo este material foi por ele estudado e  condensado na  ultima edição do livro Aikido o Caminho da Sabedoria em 3 volumes com mais de 1500 paginas e centenas de fotos , sendo esta obra o livro de artes marciais mais vendido no Brasil, agora em sua 14 edição, publicado pela Editora Pensamento.
 
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s